quinta-feira, março 13, 2008

Árvore enorme

Árvore enorme, que entra pela boca da minha sala e me passa tua língua de ninho de joão-de-barro. Árvore linda! Nos dias em que te abraço, tomo as rédeas do meu destino. Nos dias em que te esqueço, apanho feito um tolo indignado.

Marcadores:

3 Comentários:

Às 12:00 PM , Blogger camiles disse...

ávore da vida, árvore querida...
perdão pelo coração que eu desenhei em você,
com o nome do meu amor!

 
Às 6:24 AM , Blogger Jana disse...

oh meu Deus... quanto amor por aqui rsrsrs

beijos

 
Às 7:05 PM , Blogger Lidiane disse...

Então abrace sem ter fim.

Beijo.

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial