quarta-feira, junho 13, 2007

Preguiçando

Às vezes não penso
e
cérebro mudo
esqueço que um lenço
não faz barulho.

Marcadores:

6 Comentários:

Às 4:03 AM , Anonymous Erika disse...

Tem horas que um lenço cai com o estrondo de um trovão.

Como diz Oswaldo Montenegro " e que teu silêncio me fale cada vez mais..."

Aguardando o estrondo do lenço.

Beijos

 
Às 5:34 AM , Blogger Jana disse...

e tem horas que o silêncio é perturbador...

beijos

 
Às 8:17 AM , Anonymous Claudio disse...

Curto. Mas não grosso.
Texto de talento fino. Elegante.
Abração!

 
Às 5:54 PM , Blogger Paula Negrão disse...

Mente vazia não é bom.
Pense!
E silencie, mas só às vezes.
Nada pode ser sempre ou nunca.


beijos.

 
Às 8:51 AM , Blogger Um mundo novo aos corações corajosos! disse...

Sensibilidade abrangente: em poucas palavras!

 
Às 2:20 PM , Anonymous Edson Marques disse...

Guto,




Mude,
mas comece devagar,
porque a direção é mais importante
que a velocidade.



Abraços, flores, estrelas..



.

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial